sábado, 27 de agosto de 2011

Memórias Esquecidas


Se não escrevo esqueço-me. 

E há coisas que faço questão de lembrar constantemente, porque me fizeram muito feliz.

É por isso que as tenho que as escrever. Muitas vezes somente por palavras insuficientes que nunca retratarão o momento na sua plenitude.

E se há coisas que preferia esquecer foram elas que me fizeram quem hoje sou.

E escrevo-as também. Porque são um lembrete constante, para não voltar a cair, para me evocar a força, para não duvidar.

Porque não quero esquecer-me de nada.

5 comentários:

  1. (:

    uma das melhores coisas é também escrever! Eu não tenho assim muito jeito! (:

    ResponderEliminar
  2. E qd relemos aquilo que escrevemos há uns tempos atrás é tãoo giro :)

    ResponderEliminar
  3. Página ao lado, a questão é mesmo escrever como "terapia", "auxiliar de memória". Às vezes uma simples palavra para nos relembrar determinada situação. Escrever para nós nem sempre quer dizer escrever bem e daquilo que tenho visto no teu blog não escreves nada mal ;)

    Cereais, tens toda a razão. Revisitar os nossos textos é como abrir o baú do sótão da avó :) Há sempre aquela surpresa que já não nos lembrávamos :) Adoro!


    Beijinhos às meninas*

    ResponderEliminar
  4. Para mim, mais assustador do que morrer ou mesmo envelhecer, é a ideia de poder perder a faculdade de me lembrar, de pensar em momentos significativos e pessoas importantes do passado.

    Para um nostálgico saudosista como eu, recordar é viver!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não lembrar é como morrer lentamente. Assustador.

      Eliminar

Junta-te à conversa!